RSS

O elo entre mídia e corrupção.

06 dez

Uma situação que infelizmente se tornou corriqueira em 2011, demissão de Ministros. Um ato um tanto incrívelmente ameaçador para o governo. Demitir uma pessoa de cargo ministral é demonstrar que os líderes das pastas de priori do Brasil são mal escolhidos. Deixando em nossas mentes um descontentamento com a faculdade mental da presidente. Mas não chegamos ainda na obra de Dédalo.

Sabemos os motivos pelo qual escolhera esses ministros, sabemos que mesmo assim houveram erros. Sabemos também que um agente sempre esteve lá para dar início a reação. A mídia “liberal” brasileira. A maioria das denúncias que derrubaram os chefões partiram de denúncias vagas mas todos nós ficavam com o pensamento na mente: e o Don Corleone[O Chefão – Mario Puzzo] porque nunca foi preso? Ficavamos com a aquela coisa de que, era ladrão mas não conseguiamos provas para prender. Não estamos errados, já que a realidade da política nos condicionou a pensar nisto. Realidade que ajudamos a criar.

O real problema é definido como: manipulação midiática. Vimos o vigor ao investigar as devassas do governo pseudo-esquerdista mas morosidade com as devassas dos direitistas. Pouco se fala no estravio do dinheiro público no governo Kassab e outras que ocorrem em São Paulo.

Fica mais que claro. A mídia mostra o que quer, como quer e na hora que quer, isso é virtuoso. O problema é o conteúdo e quem recebe. Encobrem os crimes direitistas e colocam no outdoor os crimes da esquerda. Apoiam Collor e depois o denigrem. Tamanha falta de plurarlismo.

Mas também fica claro que há corrupção na Direita e na Esquerda. A mídia pode fazer seu trabalho de forma não muito certa mas ainda o faz. O problema da mão manipuladora e da corrupção ainda tem um elo em comum: o indivíduo. O componente fundamental para formação de um Estado, já que ele é feito de vários indivíduos. A peça que move para o triunfo ou desastre. Nossos indivíduos estão no escuro, essa é a verdade.

 

 

Luz atuando

 

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 6 de dezembro de 2011 em Artigo

 

Tags: , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: